Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro 8, 2017

Antes de sua próxima decisão, pergunte se é estratégica, significativa ou rápida

Quando você tem que tomar muitas decisões diariamente, é fácil tomá-las do mesmo jeito. Mas, você não deve gastar o mesmo tempo em cada decisão, se fizer isso, terá pouco tempo para algumas decisões importantes e muito tempo para as simples. Para ser mais eficiente, classifique as decisões em três categorias: estratégica, significativa e rápida.
As decisões estratégicas são muitas vezes analítica e organizacionalmente complexas e têm o potencial de impactar a direção de longo prazo de sua empresa. Elas exigem mais tempo e atenção, bem como um processo rigoroso e abrangente.
Decisões significativas requerem um sólido business case e podem aumentar o investimento considerável, mas não são criticamente importantes por conta própria. Adapte seu processo a cada um, passando mais tempo para aqueles que são mais complicadas.
As decisões rápidas não são complexas, e muitas vezes podem ser delegadas a outras pessoas. Considere estabelecer regras diretas e listas de verificação para ajudá-lo a …

Quando mudar as metas de seus empregados

Como gerente, o que fazer se, depois de trabalhar muito com seus empregados para estabelecer metas no início do ano, já não está claro que essas metas ainda merecem ser perseguidas? Talvez seus empegados tenham alcançados as metas e precisam de um novo desafio, ou as metas da organização mudaram. Conheça os empregados para analisar as metas e planos existentes. Essas três perguntas podem ajudar a orientar sua discussão e reavaliar as metas:
- As metas ainda são realistas, considerando as mudanças nos recursos ou restrições? - Elas ainda são oportunas? - É agora o melhor momento para alcançá-las? - Elas ainda são relevantes? - Elas ainda se alinham com a estratégia da empresa?
Dependendo das respostas, talvez seja necessário alterar apenas uma única meta, substituindo-a por uma nova. Mas, em alguns casos, o plano inteiro pode precisar mudar. Trabalhe em colaboração com o relatório de desempenho da empresa para criar novas metas que sejam realizáveis e importantes para a organização.

Fonte: T…

As atividades diárias que tornam os CEOs bem-sucedidos

O que torna o CEO efetivo? A questão foi estudada extensivamente, por Oriana Bandiera, Stephen Hansen, Andrea Prat e Raffaella Sadun (HBR). No entanto, ainda sabe-se muito pouco sobre como os CEOs se comportam no dia-a-dia e como seu comportamento se relaciona com o sucesso ou o fracasso das empresas que eles conduzem. Estudos anteriores geralmente tiveram limitações. Alguns foram de pequenas amostras, ou dependeram fortemente da interpretação dos pesquisadores para classificar diferentes "tipos" de executivos. Nesta pesquisa, foram usados dados de pesquisa de mais de 1.000 CEOs em seis países e o desempenho financeiro de suas empresas para explorar essas questões. E a evidência sugere que os CEOs gerenciais são, em média, menos efetivos do que os líderes que ficam em nível mais alto. O conjunto de dados da pesquisa inclui todas as atividades que um CEO realiza em uma semana, bem como se foi planejado com antecedência e quem mais estava envolvido para determinar quais as difer…

Líderes, não deixe que suas ideias dominem a sua equipe

É seu trabalho como líder criar um espaço seguro e criativo onde sua equipe pode compartilhar ideias sem medo de julgamento. Mas, pode ser difícil saber como dar contribuições sem inibir as sugestões dos outros. Você deve apresentar suas próprias ideias durante sessões de brainstorming, ou apenas assumir mais um papel de treinador? A chave é encontrar o equilíbrio certo. Prazos e metas de desempenho podem aumentar a pressão para impor suas próprias opiniões, mas isso aumentará a dúvida de sua equipe e perpetuará a percepção de que o líder sempre tem a resposta. Então tire o seu chapéu de liderança e, o mais convincente possível, diga a sua equipe que não trate suas ideias de forma diferente da dela. No entanto, se você notar que suas contribuições mudam sua participação, volte ao treinamento. Sua equipe não será criativa se seus integrantes estão esperando que você diga o que fazer.

Fonte: Tradução livre e adaptação do texto original Leaders, Don’t Let Your Ideas Overpower Your Team’s.…