Pular para o conteúdo principal

As cinco irrefutáveis leis de vendas



Há cinco leis quando se trata de uma venda. Siga a estas leis naturais e as vendas começam a acontecer imediatamente. Não importa se a venda é on-line ou diretamente em uma loja. Essas cinco leis são as suas cinco chaves para abrir as portas para o crescimento rápido da receita do seu negócio.

Estão relacionadas como sua atitude pode ganhar vendas

1.    A lei do valor.

Os consumidores só compram produtos e serviços que lhes beneficiam.  

A primeira coisa que você precisa saber é que os consumidores não compram de você, porque você é um grande vendedor. Cabe a você aceitar e receber esta verdade em seu negócio, que os consumidores simplesmente compram produtos e serviços, porque eles "acreditam" que esses produtos ou serviços irão beneficiá-los de alguma forma.

Para aplicar a lei do valor em seu negócio, você deve saber, sem qualquer dúvida que o seu produto ou serviço é benéfico para o consumidor ou cliente. Se o consumidor ou o cliente não estão satisfeitos, você não receberá o pagamento. Isso nos leva à próxima lei.

2.    A lei da compensação.

O valor vem na etiqueta de preço.

A lei da compensação é simples. Quanto mais o seu produto ou serviço beneficia o consumidor, mais você pode aumentar o preço. Nada de valor nesta vida vem sem um preço.

Após a lei do valor é essencial a fase de produção, quando você está chegando com um produto ou serviço. Após a lei da compensação é essencial a fase de lançamento do produto, quando você disponibiliza o produto acabado na prateleira.

3.    A lei de influência.

Credibilidade dependente de dois fatores, a confiança e competência.

A lei da influência tem sido ensinado exaustivamente por John Maxwell que mencionou em seu livro “As 21 irrefutáveis ​​leis da liderança”: "Liderança é influência, nada mais e nada menos."

Desenvolvemos esta poderosa, intangível qualidade da influência pela crescente confiança que os nossos clientes têm em nós e no que temos a oferecê-los. Uma maneira de fazer isso é por meio alcançar e demonstrar conhecimento em nossa área ou setor de atuação. Isso nos leva à próxima lei.

Relacionada a: Mude de “Eu odeio” para “Eu amo” vender

4.    A lei da autenticidade.

O presente mais valioso que você tem que a oferecer é você mesmo.

Bob Burg e John David Mann escreveram em “O conselheiro”: "Enquanto você está tentando ser outra pessoa, ou agir ou ter um comportamento que alguém te ensinou, você não terá nenhuma possibilidade alcançar as pessoas. A coisa mais importante que você tem que dar às pessoas é você mesmo. Não importa o que você pensa que está vendendo, o que você está realmente oferecendo é você mesmo".

A lei da autenticidade funciona assim: Seja 100% você, com a cabeça e todo o seu coração, forneça a solução para o problema de um consumidor.  Avalie bem as suas ações para prestar um melhor serviço ou oferecer o melhor produto, literalmente, você vai mudar a vida do consumidor ou demonstrar que você quer ajuda-lo. Seu coração deve, sinceramente e verdadeiramente, querer fornecer uma solução que possa beneficiar o consumidor ou cliente e mudar a sua vida para melhor.

Esta atitude é um solo fértil, onde a confiança que o consumidor dá a você é alimentada e cresce.

5.    A lei da reciprocidade.

Ofereça e entregue relacionamento.

À primeira vista, a maioria das pessoas acha que o provedor de um negócio, presta um serviço ou vende um produto e, o consumidor, paga por isso. Na verdade, não é isso. “Oferecer e entregar relacionamento'' significa que o provedor de negócios, está sempre oferendo uma solução que traga resultado para o consumidor.  O consumidor nunca está oferecendo.

Quando você vender o seu produto ou serviço, sempre o ofereça ao consumidor, como um bônus, um presente realmente valioso, que ele tem que pagar por usufruir. Assim, ele voltará a comprar de você, uma e outra vez.

Estas são as cinco irrefutáveis ​leis ​de vendas. Siga-as e você verá a sua margem de lucro crescer.


REFERÊNCIAS:      

Tradução e adaptação do texto original de:

BALLARD, W. The 5 irrefutable laws of selling.  Business Insider. Disponível em <http://www.businessinsider.com/laws-selling-2014-7 > Acessado em 06 de Jul. 2014.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Cinco habilidades que os supervisores de produção enxuta precisam

Os supervisores de produção enxuta  (lean production) sãomuitas vezesas engrenagensfundamentais noprocesso de melhoria das empresas. Estão na fronteira entre agestão da empresa eo “chão de fábrica”, lidam com questõesde entrega eajudam os seus subordinados a entregarem asmelhorias necessárias.
MikeWroblewski, diretor do Instituto Americano Kaizen, recentemente destacou cinco principais habilidadesexigidaspelos supervisores de produção enxuta necessárias para se sobressairem em suas funções:
1.Excelente conhecimento técnico.É essencialque ossupervisores de produção enxuta sejam um especialistasnas atividades sobre as quaiseles temresponsabilidade.Elesdevem conhecer osprocessos envolvidos de dentro para fora. 2.Conhecimento das responsabilidades de cada um. Parte desua interface com agestãorequer uma compreensão clara da descrição de cadacargo, de saberaspolíticas da empresa oude outras normas dolocal de trabalho.
3.Um especialista em Kaizen. O supervisor de produção enxuta deve teruma sóli…

Série Ferramentas de Gestão: FTA

Série Ferramentas de Gestão: FMEA

FMEA (Failure Mode and Effect Analysis) - Análise dos Modos e Efeitos das Falhas
FMEA é uma ferramenta básica aplicada à confiabilidade que tem sua principal aplicação para a:
-Melhoria de um produto ou processo já em operação. A partir da identificação das causas das falhas ocorridas e seu posterior bloqueio. -Detecção e bloqueio das causas de falhas potenciais (antes que aconteçam) em produtos ou processos já em operação. -Detecção e bloqueio das causas de falhas potenciais (antes que aconteçam) em produtos ou processos, ainda na fase de projeto.
A ferramenta FMEA (Análise dos Modos e Efeitos das Falhas) é um método de análise de projetos (de produtos ou processos, industriais e/ou administrativos) usado para identificar todos os possíveis modos potenciais de falha e determinar o efeito de cada uma sobre o desempenho do sistema (produto ou processo), mediante um raciocínio basicamente dedutivo. É um método analítico padronizado para detectar e eliminar problemas potenciais de forma siste…